cartaocard
Carregando...

O que é a tarifa de avaliação emergencial de crédito?

Na fatura do cartão de crédito muitas vezes somos surpreendidos com termos e nomenclaturas estranhas, principalmente no que se refere a tarifa, às vezes aparece inclusive alguma tarifa que você nunca ouviu falar antes, neste artigo vamos falar sobre a Tarifa de Excesso de Limite (TEL), ela é praticada pela maioria das administradoras brasileiras, podendo ser identificada também com outros termos, como por exemplo Tarifa de Avaliação Emergencial de Crédito (TAEC). Essa cobrança é legal e segue uma regulamentação do Banco Central do Brasil (BCB), que definiu que ela poderá ser cobrada no máximo uma vez por mês, mesmo que haja reincidência.


O valor dessa tarifa varia de R$10,00 a R$60,00 dependendo da administradora. Ela é aplicada sempre que o cliente “estoura” o limite de crédito que foi disponibilizado pela administradora. Sempre que você gastar a mais que o valor do limite e a administradora autorizar, você será cobrado pela avaliação emergencial de crédito.

Exemplo: Digamos que você tenha disponível em seu cartão um limite de R$900,00 (novecentos reais), porém você deseja comprar um produto que custa R$ 1 mil, ou seja, cem reais a mais do que o valor que está disponível. No momento da compra você tenta efetuar um pagamento (mesmo acima de seu limite) e a administradora de seu cartão aprova a compra. A partir daí poderá ser gerada a tarifa de excesso de limite ou de avaliação de crédito, pois ouve um “estouro” de seu limite, pois você gastou mais que o limite liberado.

Cancelar essa cobrança

Vale ressaltar que a avaliação emergencial de crédito só pode estar ativa caso o cliente tenha autorizado a administradora a cobrar essa tarifa. Caso o cliente ative-a não há garantia de que as compras acima do limite serão aprovadas, porém há a possibilidade. Caso você resolva desativar a avaliação de emergencia, toda a compra que ultrapassar o seu limite de crédito seria automaticamente recusada, sem chances de uma segunda análise de crédito.

Nós recomendamos que mantenha esta função ativa, pois apesar de não haver garantia de que uma compra acima do limite seria aprovada, há relatos de pessoas que já conseguiram gastar bem acima do limite graças a esta função ativada. Note que não estamos incentivando o estouro de limite, apenas levantando a possibilidade de que algumas administradoras possuem essa função que de uma forma resumida permite o gasto de um valor maior que o limite.

Mas lembre-se que a aprovação dependerá da análise de crédito no momento da compra, por isso é bom ter um meio de pagamento reserva nessas situações.
Dúvidas 1038110948279398652

Página inicial item

Veja também